Paraty: Mar, Mata Atlântica, Cultura e muita História

Este ano de 2015 é, segundo a ONU, o ano internacional dos solos. O solo é um recurso natural não renovável responsável pela produção de alimentos, forragem, roupas, abrigo e energia. O solo também armazena e filtra a água, recicla nutrientes, é um amortecedor contra inundações, absorve o carbono ajudando no controle da mudança climática, além de abrigar um quarto da biodiversidade do nosso planeta.

O Colégio Pentágono, integrante das Escolas Associadas PEA – UNESCO, baseou-se nesse propósito e pautou o Estudo do Meio em Paraty sob estas perspectivas.

Neste estudo, os alunos da 2ª série do Ensino Médio foram divididos em grupos temáticos e percorreram vários espaços com autonomia em busca de dados, entrevistas, informações e imagens. Descreveram, de forma cuidadosa, aspectos visuais e olfativos observados no mangue e também coletaram amostras de água e do solo do manguezal, ampliando as propostas iniciadas pelo Projeto “Observando os Rios”, proposto aos alunos do Ensino Fundamental I e Fundamental II.

Várias disciplinas e professores se envolveram neste processo. Para Biologia, por exemplo, foi solicitado o levantamento botânico do Mangue; já Geografia focou o estudo nas causas e consequências do isolamento geográfico da cidade, enquanto História trabalhou com a influência da Maçonaria. O aspecto político cultural da cidade, bem como a Festa do Divino, ficaram para a área de Sociologia e, também de forma a despertar o pensamento crítico, a disciplina de Língua Portuguesa organizou o trabalho para a produção de um artigo de opinião.

Este projeto teve como principais objetivos desenvolver as habilidades de observação e análise de paisagem e seus elementos naturais e sociais, assim como a prática de registro e a linguagem escrita.

Clique para ver as fotos da viagem!