Até 6 Anos


Abecedário de bichos brasileiros

Autora: Geraldo Valério
Editora: Martins Fontes

As crianças adoram bichos. Seja grande, pequeno, que voa, que nada, que anda bem rápido ou bem devagar, não importa: cada bicho tem os seus admiradores. Então, para explorar a fauna brasileira, conheça este livro.

Depois de Abecedário de aves brasileiras, Geraldo Valério confirma seu virtuosismo na arte das colagens, retratando animais de várias famílias da fauna brasileira. Acompanham as ilustrações algumas informações básicas sobre cada espécie, elaboradas pelo biólogo Humberto Conzo Junior.

 


Por que ler para seu filho?

Este livro é muito rico tanto em vocabulário como em ilustrações. Dá para explorar a inicial de cada animal, fazer comparações entre as características dos bichos (grandes, pequenos, velozes, lentos…) e a técnica da colagem.

É importante nesta fase de alfabetização, na descoberta da sonorização e das palavras. Traz animais pouco conhecidos, como o humaitá, o mutum e o guarabá, além de curiosidades diversas, destacando uma característica singular.

O livro está escrito em letra bastão, incentivando o pré-leitor a descobrir a leitura das letras e das palavras.

 


Ensino Fundamental I

Divinas aventuras – Histórias da Mitologia Grega
Autor: Heloísa Prieto

Editora: Companhia das Letrinhas

 

Essa é a história da temível Medusa que era inicialmente uma belíssima jovem apaixonada por Posêidon. Enfeitiçada por Atena, transforma-se em monstro. O fruto de seu amor impossível, entretanto, será Pégaso, o cavalo alado da luz, protetor de corajosos guerreiros como Perseu.


Por que ler para o seu filho?

 

Esse livro nos mostra a atualidade da mitologia grega e sua presença camuflada no universo dos quadrinhos, desenhos animados e filmes de ação. A autora convida seus leitores para um encontro surpreendente com Apolo, Atena, Hermes, Posêidon, Zeus e outros deuses. Cada um narra suas peripécias mas, como a convivência entre eles nem sempre é pacífica, as versões para cada história se contradizem.

Destaca-se, também, a parte histórica e cultural da Grécia Antiga.

 


 

Ensino Fundamental II

Título: Aos 7 e aos 40
Autor: João Anzanello Carrascoza
Editora: Alfaguara


Sinopse e crítica:

Um dos maiores contistas da atualidade brasileira faz um romance sobre o cotidiano de seu personagem em dois momentos diferentes da vida: aos sete e aos quarenta anos de idade.

Na infância, a narrativa é fluida, poética e simples. O roubo de um pássaro no vizinho, uma partida de futebol, o quintal da casa e a relação com o irmão. Já aos quarenta, a narrativa passa a ter uma forma mais fragmentada, mais apropriada para lidar com os acontecimentos dolorosos da vida adulta. Um divórcio, o distanciamento do filho. Mesclando os dois momentos com extrema delicadeza, Carrascoza brinda o leitor com um belo romance que só reforça seu já conhecido talento literário.

 


Ensino Médio

Título:
Macunaíma
Autor: Mário de Andrade
Editora: FTD

Sinopse e crítica:

Macunaíma – o herói sem nenhum caráter (1928) é a obra-prima de Mário de Andrade, considerado o espírito mais vasto, o mais versátil e culto do Modernismo brasileiro. Na sua construção, o autor recriou mitos e cantigas indígenas, contos populares, rituais amazônicos e afro-brasileiros. Como escreve Noemi Jaffe no posfácio para esta edição, “Macunaíma é uma das obras mais significativas para os jovens de hoje. Se o herói sem nenhum caráter puder ser pensado como uma metáfora para o Brasil e os brasileiros, então o livro terá cumprido seu destino de estrela”.

Além do texto integral e de ilustrações deslumbrantes da artista Mariana Zanetti, o leitor encontrará 520 notas e 706 verbetes de glossário, que contribuem para a compreensão de uma das obras mais instigantes da literatura brasileira.

 


Para os Pais

Título: Trilogia do Adeus
Autor: João Anzanello Carrascoza
Editora: Alfaguara


Sinopse e crítica:

Nesta trilogia, João Anzanello Carrascoza oferece um panorama que se estende através do tempo para falar da relação fragmentada das famílias. No primeiro livro, Caderno de um ausente (vencedor do prêmio Jabuti 2015 e reeditado agora pela Alfaguara), o pai João escreve uma longa carta para a filha recém-nascida, Beatriz, para o caso de não estar presente no futuro dela. Já no segundo volume, Menina escrevendo com pai, é Bia quem responde, narrando a vida e o relacionamento dos dois. Por fim, em A pele da terra, Mateus, filho mais velho de João e irmão de Bia, narra sua relação com o próprio filho, outro João, durante uma peregrinação. Um olhar tríplice sobre os vínculos entre pais e filhos, e sobre como pequenas ações do cotidiano nos marcam para sempre.