Exposição – Imagens do Aleijadinho 

 

Imagens do Aleijadinho é uma das exposições que abre o programa do MASP em 2018, ano dedicado às histórias afro-atlânticas, com exposições, seminários, programas de mediação e publicações em torno das trocas culturais entre a África, a Europa e as Américas. Essa é a primeira exposição monográfica no Museu dedicada à obra de Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho (1738 -1814), e é um fato significativo que ela ocorra no contexto desse eixo de programação.

A figura do Aleijadinho, filho de um artífice português e de sua escrava, alforriado pelo pai, inaugura um modelo de mulatismo e mestiçagem que constituiu um dos modos de compreensão da contribuição africana para a cultura brasileira — um modelo que, embora polêmico, é fundamental para a história da arte brasileira ao longo dos séculos. Profissionalmente ativo de meados do século XVIII ao início do século XIX, durante o ciclo do ouro em Minas Gerais, Aleijadinho é o autor de uma série de obras realizadas em igrejas mineiras a pedido de ordens terceiras e que formam um dos principais conjuntos de arte religiosa executados no Brasil, incluindo a igreja de São Francisco de Assis, em Ouro Preto, os Passos da Paixão de Cristo e os Profetas, em Congonhas. Figura central na história da arte no País, sua obra foi influenciada pela arte barroca e pelo rococó europeu e, também, absorveu referências da visualidade africana e popular.

 

Informações:

Quando: 10 de abril à 03 de junho de 2018.
Local: MASP (Museu de Arte de São Paulo Assis Chateubriand) – Paulista, 1578
Telefone: 3149-5959