Colégio Pentágono realiza festejos juninos de forma híbrida
Em sua 32ª edição, a tradicional Festa Pé de Moleque contou com atividades presenciais e virtuais, envolvendo toda a comunidade escolar

A 32ª Festa Pé de Moleque, tradicional evento em celebração ao ciclo junino do Colégio Pentágono, foi realizada, em 2021, de forma inovadora e especial. Pela primeira vez em seus 50 anos, a instituição promoveu o festejo de forma híbrida: isso é, mesclando atividades presenciais para os alunos e virtuais para toda a comunidade escolar além de incluir algumas propostas para o público externo. 

Um exemplo das atividades presenciais  todas realizadas com respeito aos protocolos de segurança estipulados pela consultoria do Hospital Israelita Albert Einstein, que acompanha o Colégio Pentágono desde 2020 , foi a programação diferenciada adotada nas aulas de Educação Física dos alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental – Anos Iniciais. As turmas, que puderam utilizar trajes típicos, participaram de atividades de resgate das danças regionais características dessa época do ano, além de brincadeiras como argolas, arremesso ao alvo, chute ao gol e Salve o Rio uma versão consciente e sustentável da pescaria, na qual os alunos têm que pescar itens como plástico e latas para tornar o rio mais limpo. Já nas aulas do learn&play, programa extensivo de inglês oferecido aos alunos do G4 ao 5º ano, as propostas remeteram à cultura “country”, com brincadeiras como cocar do índio e laço do cavalo.

Anualmente, a equipe pedagógica do Colégio aproveita a ocasião dos festejos juninos para trabalhar com os estudantes de todos os segmentos as manifestações da cultura popular brasileira  tema riquíssimo que possibilita muitas trocas e descobertas. “Cada série explora uma manifestação diferente. Vamos do sul ao norte do País, passamos por tradições populares, investigamos a xilogravura, a cerâmica, o maracatu e as cirandas, entre outras referências visuais e musicais, pesquisamos as danças típicas e os artistas que se relacionam com a época, de Luiz Gonzaga a Alfredo Volpi, que desenvolve parte da sua obra relacionada às bandeiras juninas, tradição imagética da festa”, explica André Pereira Lindenberg, Coordenador de Artes do Colégio Pentágono. Parte dos trabalhos produzidos a partir do estudo da temática nas aulas de Artes e Música pôde ser conferido na Galeria Virtual, alocada em um site que a escola desenvolveu exclusivamente para a Festa Pé de Moleque  

Neste espaço on-line foi possível acessar a programação completa da festa e acompanhar as lives, que aconteceram em três datas: 12 de junho para a unidade Alphaville, dia 19 para Morumbi e dia 26 para Perdizes. Além disso, também estavam disponíveis barracas virtuais de atrações como correio elegante, brincadeiras e um espaço com receitas típicas.

A adaptação foi a alternativa encontrada pela direção do Colégio para que todos pudessem aproveitar as comemorações de junho enquanto cumpriam o distanciamento social  e, ainda, reunir alunos, suas famílias e demais convidados em uma corrente do bem, uma vez que o aspecto social da festa foi mantido mesmo à distância.  Toda a arrecadação líquida das vendas de rifas, que tiveram como prêmios 3 iPads, 3 notebooks Dell e 3 PC Gamer; e da Festa Junina na Caixa, um box com quitutes juninos para consumo em casa criado especialmente para a celebração deste ano; será revertida para doações de cestas básicas da campanha Pentágono 50 anos = 50 toneladas de alimentos, ação que celebra o marco de 50 anos do Colégio. Para alavancar essa importante iniciativa contra a fome, o Pentágono contou, também, com o apoio de marcas parceiras que realizaram doações de cestas básicas para a campanha.                         

[layerslider id=”61″]